Articles worth reading
A resposta fantástica de alunos do 4º ano à pergunta “Que nome se dá a um grupo de ladrões?”!

A resposta fantástica de alunos do 4º ano à pergunta “Que nome se dá a um grupo de ladrões?”!

access_time 7 meses ago

De pequenino é que se torce o pepino, e que o digam os alunos do 4º Ano que deram uma

5 coisas que o Homem pede mas a Mulher nunca deve aceitar

5 coisas que o Homem pede mas a Mulher nunca deve aceitar

access_time 3 meses ago

Existem homens que realmente merecem tudo o que uma mulher faz por ele, porém, existem outros, que não valem nada!

Disseram-te para consumires canela porque faz bem? Mas isto não te contaram!

Disseram-te para consumires canela porque faz bem? Mas isto não te contaram!

access_time 10 meses ago

Sempre te disseram para consumires canela? Mas pelos vistos não te contaram tudo… Toda a gente sabe que a canela

Tugalandia – Artigo

Esta mulher mandou reformular a casa… O que encontraram… Ela nem imaginava!

Esta mulher mandou reformular a casa… O que encontraram… Ela nem imaginava!

access_time 8 meses ago chat_bubble_outline 0 comments

Uma senhora em San Francisco nos EUA, mandou reformular a sua casa.

Durante as obras os construtores ficaram em choque quando descobriram um caixão com cerca de 145 anos de idade com o corpo preservado de uma menina no interior.

Os trabalhadores descobriram o caixão de bronze com um metro de comprimento enquanto estavam a cavar no quintal da casa.

Para sua surpresa, o pequeno caixão revelou uma criança com pele perfeitamente preservada e cabelo loiro vestindo um vestido branco longo e ainda segurando uma rosa vermelha.

O túmulo sem identificação – que foi descoberto a 8 de maio – estava forrado com veludo roxo.

casket2

A menina – a quem foi dado o nome de Miranda – tinha provavelmente três anos de idade, cujo caixão foi deixado para trás quando um cemitério no local foi movido para um local diferente em 1920.

Especialistas acreditam que o caixão seja um dos 180.000 que foram enterrados no local de Colma.

A proprietária Ericka Karner não tem qualquer relação com a criança não identificada, mas disseram-lhe que era da sua responsabilidade lidar com o caixão.

Incrivelmente, ela foi informada que precisava obter uma certidão de óbito, a fim de enterrar a menina – e que tudo isso lhe custaria até 10.000 dólares, pelo fato do caixão estar na sua propriedade.

casket1

Karger disse ao San Francisco Chronicle: “Eu entendo que se uma árvore está em sua propriedade, ela é de sua responsabilidade. Mas isso é diferente.”

b5d12adb80028670703a80f45c7f3283

Felizmente, algumas instituições de caridade estão ajudando Karner a arcar com as despesas.

Também vais adorar!

loading...
shareShare this post
content_copyCategorized under
error: Conteúdo protegido!